• Selecione Seu Idioma

BFUCA comemora 70 anos de criação da ONU e UNESCO

No dia 30 de outubro, como forma de celebrar os 70 anos da Organização das Nações Unidas, completados no dia 24 de outubro, e da UNESCO (16 de novembro), a BFUCA UNESCO DO BRASIL e o CLUBE UNESCO FUNVIC, reuniram no Auditório I do Campus da FUNVIC, alunos e professores da Fundação Universitária Vida Cristã, e demais convidados, e juntos realizaram uma cerimônia de comemoração, onde foi apresentado um pouco sobre os trabalhos desenvolvidos pela ONU e UNESCO.

A Organização foi criada no ano de 1945, na cidade de São Francisco, nos Estados Unidos, com intuito de ajudar na reconstrução do pós-guerra, que provocou grande crise mundial. Desde então, a ONU visa manter a paz e a segurança no mundo, promover relações amistosas entre as nações, cooperação na resolução de problemas internacionais e contribuir para o desenvolvimento econômico global.

Atualmente é composta por 195 países, inclusive pelo Brasil. Entre outros órgãos, é formada pelo Sistema das Nações Unidas, que conta com a OMS – Organização Mundial de Saúde, o Programa Alimentar Mundial, a Unicef – Fundo das Nações Unidas para a Infância e UNESCO – Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura.

Falando especialmente da UNESCO, foi fundada em Paris em 16 de novembro de 1945, logo após a Segunda Guerra Mundial, com o objetivo de contribuir para a paz e segurança no mundo através da educação, ciência, cultura e comunicações.

“Frente a situação causada pela guerra, houve a necessidade de reconstruir os países tendo como um dos focos reduzir o analfabetismo no mundo e trabalhar para uma educação de cultura e de paz, dessa forma, foi criada a UNESCO”, disse Luís Otávio Palhari, presidente da FUNVIC – Fundação Universitária Vida Cristã.

No ano de 1981 foi criada a WFUCA, Federação Mundial das Associações, Centros e Clubes UNESCO, constituída naquela época por 85 federações nacionais. Atualmente coordena 5 mil Centros e Clubes UNESCO em 121 países, sendo o Brasil a última federação a integrar o grupo dessas nações. Lembramos que o primeiro Clube UNESCO foi criado no Japão, em 1947.

Há pouco mais de dois anos, o professor Luís Otávio, que também é ministro Parlamentar do Brasil no Parlamento Mundial de Educação e Membro da Academia Mundial de Educação, foi o responsável pela criação e implantação da Federação dos Clubes UNESCO no Brasil - BFUCA, e a FUNVIC sendo o primeiro Clube UNESCO do Brasil - CLUBE UNESCO FUNVIC.

Por conta disso, a Fundação Universitária Vida Cristã - FUNVIC de Pindamonhangaba tornou-se “Universidade Piloto para Projetos da UNESCO no Brasil”, pela WFUCA, sendo a única em nosso país.

Além disso, em agosto na China, Luís Otávio Palhari passou a assumir nos próximos quatro anos o cargo de membro da diretoria executiva para América Latina e Caribe, na Federação Mundial das Associações, Centros e Clubes UNESCO - WFUCA.

Criada em 10 de maio de 2013, a BFUCA tem como principal desafio expandir e ajudar na implantação de clubes e associações nas cinco grandes regiões do Brasil. “Através da BFUCA realizamos diversas atividades, entre elas destaco o “Projeto Mãos da Paz”, inspirado na obra de Portinari e que visa difundir os conceitos de cultura de paz com ações efetivas de combate à violência nas escolas”, afirmou. “Com este tipo de ação, buscamos fortalecer a paz mundial através da educação, visando assim um desenvolvimento sustentável”, completou Luís Otávio Palhari.

Além de tentar reduzir o analfabetismo em nosso país e oferecer uma educação de qualidade com princípios éticos para todos, a Federação dos Clubes UNESCO do Brasil, também tem como objetivo trabalhar para reduzir a pobreza; promover o desenvolvimento e o crescimento sustentável do Brasil e entre as nações; diálogo intercultural entre a educação, ciência e cultura; combater a AIDS e outras doenças e reduzir a mortalidade infantil.