• Selecione Seu Idioma

Presidente da BFUCA/UNESCO participa de reunião no Palácio do Planalto

No último dia 26 de agosto, o professor Luís Otávio Palhari, presidente da BFUCA/UNESCO do BRASIL, UNESCO não governamental teve uma reunião no Palácio do Planalto. A reunião foi na Casa Civil da Presidência da República, com o Secretário Executivo da Casa Civil e sua Equipe direta.

O professor Palhari foi recebido pelo Secretário Executivo, Sr. Daniel Sigelmann, onde puderam compartilhar muitos assuntos e projetos da UNESCO para o Brasil.

Durante o encontro o presidente da BFUCA fez um breve relato sobre os projetos já desenvolvidos no Brasil, e o empenho nas aberturas de Clubes UNESCO nos vários Estados da Federação Brasileira.

Na ocasião, informou da existência oficial de três Clubes UNESCO, sendo nos Estados de São Paulo, Goiás e Bahia; também compartilhou os próximos estados que irão serem oficializados até o final de 2016.

O presidente da BFUCA UNESCO do Brasil, Luís Otávio Palhari compartilhou sobre sua indicação e nomeação a membro da Diretoria Executiva da Federação Mundial dos Clubes e Centros UNESCO para América Latina e Caribe, aprovado no Congresso Mundial da WFUCA UNESCO em Beijing, na China, no ano de 2015.

Dentre os assuntos tratados, o destaque foi para solicitar o apoio do Palácio do Planalto, desde o Presidente Michael Temer e o Ministro Eliseu Padilha a implantação do CENTRO UNESCO DO BRASIL para América Latina e Caribe, bem como a oficialização da FUNVIC como Universidade Piloto para os Projetos da UNESCO para o Brasil, visto que a BFUCA UNESCO do BRASIL está sediada no Campus Universitário da FUNVIC.

Além disso, também compartilharam sobre o a possível ajuda em diálogos com os setores para implantação de um grande Centro Esportivo de Treinamento para Atletas do Basquetebol, visto ser a UNESCO, uma grande incentivadora de projetos educacionais e esportivos.

“Acreditamos que esses projetos apresentados formam uma agenda nacional positiva para o Governo do Brasil, e que poderá contribuir muito com as novas políticas do país e as da ONU/UNESCO/BFUCA, para o desenvolvimento sustentável da nação brasileira”, disse Palhari.